terça-feira, 31 de março de 2009

Helicóptero / Hotel 5 Estrelas

Sim, é isso mesmo. Agora dá para convidar 18 casais e sair pelo mundo a bordo do Hotelicopter – um gigantesco Mil V-12 soviético totalmente remodelado para oferecer o mesmo conforto de um hotel cinco estrelas.

http://wishreport.ig.com.br/wp-content/uploads/6204820.jpg

São 18 suítes de casal equipadas com anti-ruído, mini-bar, wireless para acesso a internet, TV flatscreen e todas as amenities dignas de um ótimo serviço.

Se você acha que a mordomia pode ficar melhor, que tal saber que ainda é possível obter serviços de baby-sitting, instrutor de yoga, hidromassagem e tratamento termal? O Hotelicopter também tem sala de jogos para distrair os passageiros-hóspedes.

Essa opção inusitada de hospedagem deve alçar seu primeiro vôo comercial no próximo verão. O tour inaugural será de 14 dias saindo de Nova York, passando por Bahamas, Jamaica, Republica Dominicana, Miami e voltando a Nova York.





http://wishreport.ig.com.br/wp-content/uploads/62021435.jpghttp://wishreport.ig.com.br/wp-content/uploads/62011940.jpg

http://wishreport.ig.com.br/wp-content/uploads/6205566.jpghttp://wishreport.ig.com.br/wp-content/uploads/6204819.jpg

http://wishreport.ig.com.br/wp-content/uploads/62031156.jpghttp://wishreport.ig.com.br/wp-content/uploads/6206476.jpg

Fonte: Ig - WishOnline

Comentários práticos!

Finalmente, a espera acabou! Não vai mais precisar ter muita boa vontade, muita paciêmcia, medo ou clicar com a rodinha do mouse no botão "Comentários". Agora, nossos comentários são mais modernos: novo estilo PopUp! Com um visual mais moderno, arrojado e de fácil vizualização, a nova janela de comentários vai, com certeza, fazer muito mais internautas comentarem nossas notícias e posts.

segunda-feira, 30 de março de 2009

Reescolando Cristão - Símbolos Pascais

Símbolos Pascais

Existem vários símbolos em nossa religião, e muitos deles passam mesmo que despercebidos. Iniciamos agora, uma campanha que mostrará todos os símbolos normais de nossa igreja: Católica Apostólica Romana. Começamos, hoje, com os símbolos que se manifestam na Páscoa, lembrando que somente exibiremos símbolos de nossa religião.

O cordeiro é o símbolo mais antigo da Páscoa, é o símbolo da aliança feita entre deus e o povo judeu na páscoa da antiga lei. No Antigo Testamento, a Páscoa era celebrada com os pães ázimos (sem fermento) e com o sacrifício de um cordeiro como recordação do grande feito de Deus em prol de seu povo: a libertação da escravidão do Egito. Assim o povo de Israel celebrava a libertação e a aliança de Deus com seu povo.

Moisés, escolhido por Deus para libertar o povo judeu da escravidão dos faraós, comemorou a passagem para a liberdade, imolando um cordeiro.

Para os cristãos, o cordeiro é o próprio Jesus, Cordeiro de Deus, que foi sacrificado na cruz pelos nossos pecados, e cujo sangue nos redimiu: "morrendo, destruiu nossa morte, e ressuscitando, restituiu-nos a vida". É a nova Aliança de Deus realizada por Seu Filho, agora não só com um povo, mas com todos os povos.


O Círio Pascal é uma grande vela que se acende na igreja, no sábado de aleluia. Significa que "Cristo é a luz dos povos".

Nesta vela, estão gravadas as letras do alfabeto grego"alfa" e "ômega", que quer dizer: Deus é princípio e fim. Os algarismos do ano também são gravados no Círio Pascal.

O Círio Pascal simboliza o Cristo que ressurgiu das trevas para iluminar o nosso caminho.


O pão e o vinho, sobretudo na antiguidade, foram a comida e bebida mais comum para muitos povos. Cristo ao instituir a Eucaristia se serviu dos alimentos mais comuns para simbolizar sua presença constante entre e nas pessoas de boa vontade. Assim, o pão e o vinho simbolizam essa aliança eterna do Criador com a sua criatura e sua presença no meio de nós.

Jesus já sabia que seria perseguido, preso e pregado numa cruz. Então, combinou com dois de seus amigos (discípulos), para prepararem a festa da páscoa num lugar seguro.

Quando tudo estava pronto, Jesus e os outros discípulos chegaram para juntos celebrarem a ceia da páscoa. Esta foi a Última Ceia de Jesus.

A instituição da Eucaristia foi feita por Jesus na Última Ceia, quando ofereceu o pão e o vinho aos seus discípulos dizendo: "Tomai e comei, este é o meu corpo... Este é o meu sangue...". O Senhor "instituiu o sacrifício eucarístico do seu Corpo e do seu Sangue para perpetuar assim o Sacrifício da Cruz ao longo dos séculos, até que volte, confiando deste modo à sua amada Esposa, a Igreja, o memorial da sua morte e ressurreição: sacramento de piedade, sinal de unidade, vínculo de caridade, banquete pascal, em que se come Cristo, em que a alma se cumula de graça e nos é dado um penhor da glória futura".

A páscoa judaica lembra a passagem dos judeus pelo mar vermelho, em busca da liberdade.

Continua...

O que é a Quaresma? A Quaresma é o tempo de 40 dias que precedem a Semana Sata. Nesse tempo, temos que evitar muito mais de pecar, evitar os excessos e ser guiado pelo coração. Onúmero "40" também muito simbólico na Bílbia Sagrada. Antigamente, na Páscoa Judáica, 40 significava os, também simbólicos, 40 anos que seu povo ficara no deserto, saindo do Egito.


sábado, 28 de março de 2009

Profecias Apocalipticas 2 - Os Incas


Os Incas

Os Império Inca foi um povo pré colombiano que viveu, aproximadamente, de 1200 até a invasão dos colonizadores espanhóis. Foi um povo que estudava muito, principalmente astronomia, e que também tinham uma cultura muito ligada à sua religião.

A religião era dualista, constituída de forças do bem e do mal. O bem era representado por tudo aquilo que era importante para o homem como a chuva e a luz do Sol, e o mal, por forças negativas, como a seca e a guerra.

Os huacas, ou lugares sagrados, estavam espalhados pelo território inca. Huacas eram entidades divinas que viviam em objetos naturais como montanhas, rochas e riachos. Líderes espirituais de uma comunidade usavam rezas e oferendas para se comunicar com um huaca para pedir conselho ou ajuda.

Os Incas também acreditavam que seus deuses se agradavem com sacrifícios, tanto de animais quanto de humanos, todos em datas especiais.

Os incas tinham um calendário de trinta dias, no qual cada mês tinha o seu próprio festival.

Os meses e celebrações do calendário são os seguintes:

Mês Gregoriano Mês Inca Tradução
Janeiro Huchuy Pacoy Pequena colheita
Fevereiro Hatun Pocoy Grande colheita
Março Pawqar Waraq Ramo de flores
Abril Ayriwa Dança do milho jovem
Maio Aymuray Canção da colheita
Junho Inti Raymi Festival do Sol
Julho Anta Situwa Purificação terrena
Agosto Qapaq Situwa Sacrifício de purificação geral
Setembro Qaya Raymi Festival da rainha
Outubro Uma Raymi Festival da água
Novembro Ayamarqa Procissão dos mortos
Dezembro Qapaq Raymi Festival magnífico

Sua principal profecia também dizia que o mundo acabaria em 2012 - 2013, porém, estudiosos revelaram que essa era uma tradução errada, e que seu calendário acabará em 2025. Aqui um texto fictício do autor Paulo César Coelho (www.pcoelho.prosaeverso.net):

Dia 21 de dezembro de 2012, constam nos calendários Maia, que neste dia a terra ficaria em alinhamento com o sol, no meio, um buraco negro massivo, produziria mudanças radicais no campo magnético da terra, com isso, catástrofes como: Thsunamis, terremotos, maremotos, aconteceriam de modo que o desastre global produzisse na terra, o fim da era moderna para o recomeço de uma nova vida.

Os Maias habitaram a região das florestas tropicais das atuais, Guatemala, Honduras e Península de Yucatán (Região Sul do atual México), viveram nessas regiões do século IX ao século IV a.C. Possuíam um calendário bastante desenvolvido.

Já os Incas, habitaram a região das Cordilheiras dos Andes (América do Sul), nos atuais paises: Peru, Chile, Bolívia e Equador, lá pelo século XIII. Possuíam uma sociedade bastante evoluída, com castas sociais bem definidas e um sistema de contagem bastante interessante (o Quipo).

O quipo era um instrumento feito de cordões coloridos onde cada cor representava a contagem de algo. Desenvolveram uma forma de contar o tempo, o famoso Calendário Inca. Curiosamente nos calendários Incas, a contagem do tempo vai somente até o ano de 2013.

Noite de 20 de dezembro de 2012, pairava no ar a sensação que tudo se findaria no dia seguinte. As autoridades governamentais e os jornais de todo o mundo, informavam a todo instante, que até o momento nenhum fenômeno catastrófico teria sido detectados pelos satélites ou que algum tipo de meteoro teria aparecido nos telescópios dos grandes centros de astrologia existentes no planeta, mesmo assim, o mundo fora dormir em pânico.

Na verdade naquela noite poucos foram os que conseguiram dormir. A maioria preferiu juntar os familiares para passar com eles, aquilo que acreditavam ser, o último dia de suas vidas.


21 de dezembro de 2012

O dia amanheceu escuro em grande parte do planeta, era uma sexta feira, as pessoas naquele dia não se dirigiram ao trabalho, preferiram se afastarem do litoral, havia boatos que, uma grande massa de água vinda dos oceanos, iria invadir todas as cidades litorâneas e que isso provocaria segundo os jornais, o maior desastre ecológico do mundo moderno.

Os satélites detectavam vários pontos de tempestades nos oceanos, assim como, um grande furacão próximo ao Japão. O mundo esperava estarrecido as horas passarem. Nunca o dia seguinte fora tão desejado. O dia 22 de dezembro parecia que jamais chegaria.

Às dezoito horas e trinta e dois minutos de Brasília, o Sr. Presidente do Brasil, vai à televisão para pronunciamento à Nação. " Brasileiros, recebemos ainda pouco a confirmação do Centro Espacial Americano que, os piores momentos já passaram, o relato mostra um grande terremoto no México com centenas de mortes e milhares de desabrigados, houve também um furação que varreu várias cidades do Japão, não se tendo ainda o número exato de vítimas, algumas cidades da Europa foram atingidas por ondas gigantes.

Por aqui no Brasil algumas cidades foram atingidas pelas ondas do mar, sendo que o Amapá teria sido mais castigado pelas ondas e uma cidade identificada como Calçoene, havia sido invadida por mais de dois quilômetros, causando muitas vítimas. Portanto amigos, segue o Sr. Presidente, o susto do mundo acabar, acabou! Graças a Deus todos poderemos dormir em paz. Boa noite!

As pessoas abraçavam-se aliviadas e o dia seguinte, iniciou-se como de costume em todo o planeta. Mas, algo havia mudado, para uns a consciência da necessidade do preservar, de se rever conceitos de valores, para outros, a confirmação de que tudo era mesmo uma armação, invenção futurísticas de um povo extinto.

E agora? Perguntavam os adeptos que tudo não passara de um blefe, vamos esperar pelo fim do mundo em 2013? Não esqueçam do calendário Inca, Lembram? Segundo este calendário o mundo acaba em 2013.

Assim, a vida fora continuando, uma grande festa de fim de ano, mais ou menos nos moldes da passagem de 1999 para 2000, fora promovida em várias partes do planeta. A terra respirava de certa forma aliviada, feliz e esperançosa. As mudanças continuavam acontecendo, a calota de gelo se rachava com maior intensidade e as águas dos mares aumentavam gradativamente, a terra em alguns pontos estava sendo invadida pelas águas e o litoral ficando cada vez menor.

Tudo aos poucos ia se adaptando próximo da normalidade, os povos tomando decisões acertadas quanto ao efeito estufa. A destruição das camadas de ozônio sofria quedas consideradas, o ar da atmosfera muito mais límpido, a ciência descobrindo novas formas de energias não poluentes. Tudo caminhava bem, parecia que agora teríamos aquela terra que todos sonhávamos.

Até que uma importante revista cientifica Inglesa, estampa em sua capa, a fotografia do calendário Inca e os dizeres: OS INCAS ESTAVAM CERTOS.
No seu interior uma reportagem de seis páginas com o Dr. Michael Cusco, professor titular da cadeira de História de uma conceituada Universidade Inglesa.

Explica o professor, tanto os Maias como os Incas estavam corretos, na verdade, o dia 21 de dezembro de 2012 no calendário Maia, representa o início do fim e o ano de 2013 quando se finda o calendário Inca, se comparado com o nosso calendário atual, mostra que existe uma diferença de data aproximadamente de 12 anos e nove meses, isto por que, os Incas possuíam como nós, doze meses em seu calendário, entretanto, todos os meses do calendário Inca tinham trinta dias. Considerando que os Incas viveram aproximadamente há 812 anos atrás, considerando ainda, a subtração dos dias dos meses de fevereiro de 29 dias e dos meses de fevereiro de 28 dias que acontecem nos anos bi sextos, o dia que finda o calendário Inca se dará em algum dia do mês de setembro do ano de 2025, do nosso calendário.


18 de setembro de 2025, como se viesse do nada, um gigantesco planeta de maneira inexplicável, aproxima-se da terra. Quando fora detectado já não havia nada mais a fazer. Um Planeta constituído de 85% de minério de ferro se coloca entre o sol e a terra, produzindo escuridão total, parada do movimento rotatório da terra, o que ocasionou declínios de temperaturas na maior parte do planeta com aumentos repentinos e insuportáveis da mesma. Os degelos das calotas polares provocaram ondas maiores que cinquenta metros de altura, devastando mais da metade do planeta.

Ao final do terceiro dia, o planeta gigante vai se afastando, a terra volta a movimentar-se muito lentamente, os níveis dos mares vão baixando e vão se formando pelo planeta, pequenos pólos de vida, uns poucos sobreviventes do dia em que a terra parou.

sexta-feira, 27 de março de 2009

Um testemunho do que... Bem... Leia você mesmo...

Vamos ler...

Se todo mundo odiasse droga do jeito que eu odeio, na certa, o numero de ocorrências monstruosas seria bem menor... Leiam o relato abaixo.... E quem defender uso de drogas depois disso, pode ser chamado de louco... esse é o tipo de email que faço questão de repassar...



Eis aqui um testemunho autêntico.

Meu nome é Patrícia, tenho 17 anos, e encontro-me no momento quase sem forças, mas pedi para a enfermeira Dane, minha amiga escrever esta carta que será endereçada aos jovens de todo o Brasil, antes que seja tarde demais:


Eu era uma jovem "sarada", criada em uma excelente família de classe média alta Florianópolis. Meu pai é Engenheiro Eletrônico de uma grande estatal e procurou sempre para mim e para meus dois irmãos dar tudo de bom e o que tem e melhor, inclusive liberdade que eu nunca soube aproveitar.

Aos 13 anos participei e ganhei um concurso para modelo e manequim para a Agência Kasting e fui até o final do concurso que selecionou as novas Paquitas do programa da Xuxa.

Fui também selecionada para fazer um Book na Agência Elite em São Paulo. Sempre me destaquei pela minha beleza física, chamava a atenção por onde passava. Estudava no melhor colégio de 'Floripa', Coração de Jesus.. Tinha todos os garotos do colégio aos meus pés. Nos finais de semana freqüentava shopping, praias, cinema, curtia com minhas amigas tudo o que a vida tinha de melhor a oferecer às pessoas saradas, física e mentalmente.

Porém, como a vida nos prega algumas peças, o meu destino começou a mudar em outubro de 1994. Fui com uma turma de amigos para a OKTOBERFEST em Blumenau.

Os meus pais confiavam em mim e me liberaram sem mais apego. Em Blumenau, achei tudo legal, fizemos um esquenta no 'Bude', famoso barzinho na Rua XV.
À noite fomos ao 'PROEB' e no 'Pavilhão Galego' tinha um show maneiro da Banda Cavalinho Branco. Aquela movimentação de gente era trimaneira''.
Eu já tinha experimentado algumas bebidas, tomava escondido da minha mãe o Licor Amarula, mas nunca tinha ficado bêbada. Na quinta-feira, primeiro dia de
OKTOBER, tomei o meu primeiro porre de CHOPP. Que sensação legal curti a noite inteira 'doidona', beijei uns 10 carinhas, inclusive minhas amigas colocavam o CHOPP numa mamadeira misturado com guaraná para enganar os 'meganha', porque menor não podia beber; mas a gente bebeu a noite inteira e os otários' não percebiam.
Lá pelas 4h da manhã, fui levada ao Posto Médico, quase em coma alcoólico, numa maca dos Bombeiros. Deram-me umas injeções de glicose para melhorar. Quando
fui ao apartamento quase 'vomitei as tripas', mas o meu grito de liberdade estava dado.
No dia seguinte aquela dor de cabeça horrível, um mal estar daqueles como tensão pré-menstrual. No sábado conhecemos uma galera de S. Paulo, que alugaram um ap' no mesmo prédio. Nem imaginava que naquele dia eu estava sendo apresentada ao meu futuro assassino. Bebi um pouco no sábado, a festa não estava legal, mas lá pelas 5:30 h da manhã fomos ao 'ap' dos garotos para curtir o restante da noite. Rolou de tudo e fui apresentada ao famoso baseado 'Cigarro de Maconha', que me ofereceram.
No começo resisti, mas chamaram a gente de 'Catarina careta', mexeram com nossos brios e acabamos experimentando. Fiquei com uma sensação esquisita, de baixo astral, mas no dia seguinte antes de ir embora experimentei novamente.
O garoto mais velho da turma o ' Marco s', fazia carreirinho e cheirava um pó branco que descobri ser cocaína. Ofereceram-me,mas não tive coragem naquele dia.
Retornamos a 'Floripa' mas percebi que alguma coisa tinha mudado, eu sentia a necessidade de buscar novas experiências, e não demorou muito para eu novamente deparar-me com meu assassino 'DRUGS'.
Aos poucos, meus melhores amigos foram se afastando quando comecei a me envolver com uma galera da pesada, e sem perceber, eu já era uma dependente química, a partir do momento que a droga começou a fazer parte do meu cotidiano. Fiz viagens alucinantes, fumei maconha misturada com esterco de cavalo, experimentei cocaína misturada com um monte de porcaria. Eu e a galera descobrimos que misturando cocaína com sangue o efeito dela ficava mais forte, e aos poucos não compartilhávamos a seringa e sim, o sangue que cada um cedia para diluir o pó.
No início a minha mesada cobria os meus custos com as malditas, porque a galera repartia e o preço era acessível. Comecei a comprar a 'branca' a R$ 7,00 o grama, mas não demorou muito para conseguir somente a R$ 15,00 a boa, e eu precisava no mínimo 5 doses diárias. Saía na sexta-feira e retornava aos domingos com meus 'novos amigos'. Às vezes a gente conseguia o 'extasy', dançávamos nos 'Points' a noite inteira e depois... farra!
O meu comportamento tinha mudado em casa, meus pais perceberam, mas no início eu disfarçava e dizia que eles não tinham nada a ver com a minha vida...
Comecei a roubar em casa pequenas coisas para vender ou trocar por drogas...
Aos poucos o dinheiro foi faltando e para conseguir grana fazia programas com uns velhos que pagavam bem. Sentia nojo de vender o meu corpo, mas era necessário para conseguir dinheiro.

Aos poucos toda a minha família foi se desestruturando. Fui internada diversas vezes em Clínicas de Recuperação. Meus pais, sempre com muito amor, gastavam fortunas para tentar reverter o quadro. Quando eu saía da Clínica agüentava alguns dias, mas logo estava me picando novamente. Abandonei tudo: escola, bons amigos e

família.
Em dezembro de 1997 a minha sentença de morte foi decretada; descobri que havia contraído o vírus da AIDS, não sei se me picando, ou através de relações sexuais muitas vezes sem camisinha. Devo ter passado o vírus a um montão de gente, porque os homens pagavam mais para transar sem camisinha. Aos poucos os meus valores, que só agora reconheço, foram acabando, família,amigos,pais, religião, Deus, até Deus, tudo me parecia ridículo.
Meu pai e minha mãe fizeram tudo, por isso nunca vou deixar de amá-los. Eles me deram o bem mais precioso que é a vida e eu a joguei pelo ralo.. Estou internada, com 24 kg , horrível, não quero receber visitas porque não podem me ver assim, não sei até quando sobrevivo, mas do fundo do coração peço aos jovens que não entrem nessa viagem maluca...
Você com certeza vai se arrepender assim como eu, mas percebo que é tarde demais pra mim.


OBS.: Patrícia encontrava-se internada no Hospital Universitário de Florianópolis e a enfermeira Danelise, que cuidava de Patrícia, veio a comunicar que Patrícia veio a
falecer 14 horas mais tarde depois que escreveram essa carta, de parada cardíaca respiratória em conseqüência da AIDS.
Por favor, repassem esta carta. Este era o último desejo de Patrícia.





POR FAVOR AMIGOS, PEÇO-LHES ENCARECIDAMENTE QUE ENVIEM ESSA CARTA A TODOS...
SE ELA CHEGOU A SUA MÃO NÃO É POR ACASO! SIGNIFICA QUE VOCÊ FOI ESCOLHIDO PARA AJUDAR ALGUÉM!!!

quinta-feira, 26 de março de 2009

A história do DRIFT...

Você sabe o que é DRIFT???
Drift ou drifting é uma técnica de direção de carros que consiste em deslizar nas curvas escapando a traseira, girar o volante para que as rodas dianteiras estejam sempre em uma direção oposta a curva (se o carro vira para a direita então a roda deve estar a esquerda, e vice versa), controlando o nível de derrapagem, fazendo o carro literalmente andar de lado ou cautar literalmente.
Geralmente na Fórmula 1 se usa muito desse tipo de estrátégia, mas como os carros são muito leves e potêntes os pilotos não abusam dessa manobra pois podem rodar e causar acidentes, além de ser desclassificado se causar acidentes.
O drift dos pilotos de Fórmula 1 consiste em uma pequena frenagem antes da curva, assim acelerando e freiando, fazendo um jogo de pés.Assim ele consiguira uma derrapagem(ou parece mais uma curva perfeita).No filme "Velozes e Furiosos: desafio em Tóquio"
(早く、東京で猛烈な挑戦 ) mostra como fazer drift com carros tunados.

Historia

O drift moderno teve inicio no “All Japan Touring Car Championship Races” 35 anos atrás. O piloto japonês, Kunimitsu Takahashi, foi o criador da técnica em 1970. Ele ficou famoso ao entrar no ápice da curva (“Apex” ou ponto de tangencia é o ponto onde o carro esta mais perto da linha interna da curva) em alta velocidade e derrapando, conseguindo logo após, sair da curva com mais velocidade que o normal. Esta técnica lhe rendeu diversos campeonatos e uma legião de fãs que deram inicio ao drift japonês.

Um corredor de rua chamado Keiichi Tsuchiya ficou particularmente interessado no drift de Takahashi. Tsuchiya começou a praticar suas técnicas de drift nas montanhas do Japão, e rapidamente ganhou uma grande reputação. Em 1977, uma revista muito popular de tuning e carros concordou em produzir um vídeo sobre as habilidades de Tsuchiya. Esse vídeo, conhecido como pluspy, se tornou um viciante e inspirou milhares de corredores profissionais de drift que correm nos circuitos actualmente. Em 1988, o director chefe da Option magazine Daijiro Inada, ajudou a organizar o primeiro torneio especializado em drifting.

O drift chegou no Brasil muito tempo depois. Está previsto para o começo de 2009 o I Campeonato Brasileiro de Drifting. O evento será coordenado pelo piloto Rogerio Fujiwaka, da SPL Project Drift, com alguns outros parceiros. O drift no Brasil só começou a ganhar destaque com a popularização do tuning e a chegada de jogos e filmes relacionados, caso do filme "Velozes e Furiosos: desafio em Tóquio".

Técnicas

Para fazer drift é necessário ter um carro de tração traseira. É possível fazer com carros de tração dianteira, 4x4 e até mesmo com motos, mas o ato não é chamado de drifting e sim E-Brake Drift; ou mais conhecido nos Estados Unidos como Power-Slide.

  • Kansei Drift: Essa técnica é utilizada em curvas de alta-velocidade, se executada perfeitamente não é utilizado o freio. Na entrada da curva retira-se o pé do acelerador (accel-off) transferindo o peso para frente e provocando a perda de tração nas rodas de trás. Esta técnica é utilizada por Takumi no final do primeiro episódio do Initial D. Nível: 4
  • Braking Drift: Consiste em frear na entrada da curva, transferindo o peso para a dianteira fazendo a traseira perder a tração. Após obter o oversteering, contraesterça a direção para direcionar o movimento do carro, com o acelerador mantém-se o drift. Nível: 2
  • Faint Drift: O piloto conduz o carro para o lado de fora na entrada da curva, o peso do carro é transferido para as rodas externas, então rapidamente vira o carro para dentro da curva. Quando a suspensão do carro dá batente, o peso muda tão rapidamente que a traseira sai e a derrapagem se inicia. Nível: 3
  • Punta-taco: Consiste em reduzir a marcha rapidamente sem sicronizar a rotação do motor e das rodas, a diferença faz com que as rodas travem e percam a tração. Para reduzir a marcha com esta técnica, enquanto o pé direito está no freio o pé esquerdo aciona a embreagem, o câmbio é colocado em ponto morto e a embreagem é solta. Então, mantendo a ponta do pé no freio, move-se o lado direito do calcanhar para o acelerador e dá-se uma acelerada suficiente para igualar rotação e velocidade do carro na marcha a ser engatada (geralmente em torno de 1.500 rpm por redução). Assim que a rotação desejada é atingida, desacelera-se e ao mesmo tempo a embreagem é apertada e efetua-se a redução de marcha. Nível: 4
  • E-Brake Drift: Consiste em puxar o freio de mão para perder a tração. O piloto entra na curva e puxa o freio de estacionamento para travar as rodas traseiras. Ele vira o volante para dentro da curva e a traseira derrapa para fora. Nível: 1
  • Clutch-Kick Drift: Ao entrar na curva a todo gás sem reduzir acelerando a topa e dar uma pisada rápida na embreagem aumentando as revoluções do motor rapidamente de modo que quando se solta a embreagem as rodas perdem tração. Nível: 3

Carros

Mercedes-Benz CLS em demonstração, note o esterçamento da roda dianteira e a "saída" de traseira.

Os carros utilizados em drift são consideravelmente leves. No Japão os carros mais usados são o Nissan Silvia/180SX, Toyota AE86, Mazda RX-7, Nissan Cefiro (versão com tração traseira), Nissan Laurel, Nissan Skyline (com tração traseira), Nissan Fairlady Z, Toyota Altezza, Toyota Soarer, Honda S2000, e Mazda Miata,e o Lancer Evolution MR-Edition (carro que já vem como tração traseira de fábrica). Já a competição de drift nos EUA utiliza versões locais desses carros (tais como Nissan 240SX e o Corolla GT-S de Toyota) e os carros americanos de alta desempenho tais como o Suzuki,Dodge Viper. Os drifters em outros paises geralmente usam seus carros locais, tais como o Ford Eporra (Ucrânia e Irlanda), BMW Série 3 (em outras partes da Europa), Porsche, ou Volvos.

Os carros FWD (com tracção dianteira) não são permitidos nos torneios de drift como o D1GP.

Os carros AWD (com tracção nas quatro rodas, conhecidos também como 4WD ou 4x4), como o Subaru Impreza WRX STi, e Mitsubishi Lancer Evolution possuem drift de ângulos bem diferentes. D1 e outras competições profissionais não permitem carros AWD. Porém, carros como o Impreza e o Lancer podem ser convertidos para RWD para poderem competir nesses torneios.

E assim encerra-se a primeira edição sobre curiosidades Automobilísticas

Escrito por Gabriel Kawagoe

terça-feira, 24 de março de 2009

Campanha Pela PAZ 2009 - Vídeo 1: Legião Urbana - O Reggae (Não Deixe A Guerra Começar)

Campanha Pela PAZ 2009

Vídeo 1:
Legião Urbana - O Reggae (Não Deixe A Guerra Começar)

video

TODOS DIREITOS RESERVADOS
APENAS AUTORIZADA EXIBIÇÃO COMPLETA NA REDE

sexta-feira, 20 de março de 2009

2012 - Dois Mil e Doze

Parceria proposta!

Enviamos um formulário propondo uma parceria entre nós e o blog/site "2012 - Acreditar ou não? Você decide." - www.doismiledoze.com . Agora é só esperar e ver se será aceita. Porém, da parte de vocês, já sabemos que fomos aceitos numa parceria ambiental, para salvar o planeta de uma grande catástrofe. O futuro a Deus pertence. O presente, pertence a nó. O presente modifica o futuro. Então, nós somos responsáveis pelo futuro.


Incas e Maias

Quando se fala em povos como Incas ou Maias, não se pensa em outra coisa a não ser seu calendário e suas profecias para o final do mundo. Se tem medo, não leia, pos vamos falar exatamente disso...

Antes de falar de profecias, precisamos falar sobre a cultura, a vida e o calendário desses povos.
Hoje, vamos dar início a série com a Profecia Maia, parte I:


Maias - Parte I


Caro amigo, nesse momento iremos entrar no tema central de nossos estudos, fazendo uma introdução sobre o que seria essa profecia, como a humanidade estaria contribuindo para que tal fato ocorresse, e talvez o mais importante, como seria nosso comportamento diante de tal acontecimento.

Não queremos tratar o assunto de forma sensacionalista, queremos apenas coloca-los a luz dos fatos, para que possam tirar suas próprias conclusões. Devemos também citar que as profecias maias eram tanto baseadas na vivência espiritual de seu povo quanto no estudo das características planetárias e universais, ou seja, o que será dito aqui foi fruto de estudos minuciosos, e não um fruto do acaso.

Galáxia

A profecia Maia que se refere ao ano de 2012 nos revela que a Terra irá passar por severas transformações, e é isso o que vamos detalhar a seguir:

A revelação fala sobre o final do medo, onde o mundo de ódio e materialismo terminará no dia 23 de dezembro de 2012. Nesse momento a humanidade deverá escolher entre continuar o seu comportamento egocêntrico e desaparecer do planeta como espécie, ou evoluir para que ocorra a integração do homem com o universo, passando assim a viver um momento harmônico espiritualista da sua história.

Cabe a nós desvendarmos o que seria realmente “desaparecer” do planeta como espécie, visto que a decisão tomada por cada um irá selar nosso destino nessa futura data.

Futuramente, estaremos aprofundando nas possíveis hipóteses de acontecimento, baseando nas citações Maias, citações bíblicas entre outros.

Através de estudos sobre o sol, os Maias descobriram que o tempo se comporta de maneira cíclica, e não linear. Segundo eles, não apenas a Terra gira ao redor do sol, mas também todo o sistema solar se move em um movimento periódico. Tal movimento faz com que o sistema solar se aproxime ou se afaste do centro da galáxia, que possui uma grande fonte de luz e energia. Descobriram que esse movimento se trata de uma elipse, e que seu ciclo completo tem duração de 25.625 anos.Chamamos esse ciclo de Dia Galáctico. Quando o percurso chega na metade, estamos perto do centro da galáxia, ou seja, estamos próximos da luz central, dessa forma dizemos que estamos no Dia da Galáxia.

Na continuação do percurso, o sistema solar vai se afastando do centro da galáxia, estando na sombra ou escuridão, o que chamamos de Noite da Galáxia.Dessa forma podemos concluir que a galáxia possui ciclos de estações. O resultado do nosso movimento de rotação ao redor do sol são as estações: primavera, outono, verão e inverno. Já o resultado do movimento de rotação do sistema solar em relação ao centro da galáxia são os seguintes estados: Manhã da Galáxia, Médio dia da Galáxia, Tarde da Galáxia, Entardecer da Galáxia/Noite da galáxia e Profunda noite da Galáxia.

A cada passagem de estados, de 5125 anos em 5125 anos, o sol recebe uma intensa energia vinda do centro da galáxia (Sol central da galáxia), que faz com que aconteçam as erupções solares.Os Maias dataram o início do atual ciclo galáctico em 10 de agosto de 3113 a. C, e que ao fechamento desse ciclo de duração de 5125 anos, o sol receberá um forte raio sincronizador proveniente do centro da galáxia, trocando sua polaridade e produzindo uma gigantesca labareda radiante. Com o Sol trocando a sua polaridade, a Terra se verá obrigada a inverter também o seu campo magnético, visto a influência gravitacional que o Sol exerce sobre nosso planeta. E essa data de fechamento se dá exatamente no ano de 2012 d.C.

Possível acontecimento segundo os Maias

Abaixo estaremos observando as fases desse ciclo:

O Ciclo Galáctico

O Ciclo Galáctico de 25.625 anos está dividido em 5 ciclos de 5.125 anos:

O 1º CICLO DA GALÁXIA - é o ciclo da MANHÃ GALACTICA, quando o sistema solar acaba de sair da escuridão para entrar na luz. É um período de gestação, de conformação.

O 2º CICLO DA GALÁXIA - é o ciclo do MEDIODIA DA GALÁXIA; onde o Sol central é muito forte, é uma etapa de desenvolvimento que culmina com sua maior expressão.

O 3º CICLO DA GALÁXIA – é o ciclo da TARDE DA GALÁXIA; começa-se a sentir menos a luz.

O 4º CICLO DA GALÁXIA - é o ciclo do ENTARDECER / NOITE DA GALÁXIA; o entardecer se converte em noite, onde se realiza uma tomada de consciência de todo o fato.

O 5º CICLO DA GALÁXIA – é o ciclo da PROFUNDA NOITE DA GALÁXIA, que volta a dar inicio a outros 5 ciclos de 5.125 anos, e assim eternamente….…

….início de uma nova era.

Os Maias asseguravam que sua civilização era a 5º iluminada pelo Sol, o quinto grande ciclo solar (ou seja, estamos no entrando no sexto dia solar), e que antes tinham existido sobre a Terra outras 4 civilizações que foram destruídas por grandes desastres naturais. Acreditavam que cada civilização é só um degrau na ascensão da consciência coletiva da humanidade. Para os Maias, no último cataclismo, a civilização foi destruída por uma grande inundação que deixou uns poucos sobreviventes dos quais eles eram descendentes; pensavam que ao conhecer o final desses ciclos muitos seres humanos se prepararam para isso, tinham conseguido conservar no planeta à espécie pensante, o homem. Dizem-nos que a mudança dos tempos, nos permite ascender um degrau na escala evolutiva da consciência, nos dirigir a uma nova civilização que viverá em maior harmonia e compreensão para todos os seres humanos.

sexta-feira, 6 de março de 2009

Projeto: Mesa Reescolando

Mesa Interativa Reescolando
Apresentação do Projeto

Iniciamos, hoje, o novo projeto da Reescolando e seus mini-sites. O projeto tem como objetivo principal construir uma mesa interativa, ou seja: com um a tela te computador touch-screen, uma famosa Multi-Touch Screen. Já temos o boneco do projeto, que funciona ligado ao computador e vizualizado no próprio monitor, normal. Porém, já temos a idéia e a planta do que queremos fazer futuramente.

quinta-feira, 5 de março de 2009

Loucura! - Tablet Caseiro

Não sei descrever minha felicidade. Agora tenho um Tablet PC: um computador touch screen. porém, não é moderno nem pequeno. Não é de uma marca famosa, porém, funciona tão bem quanto. Na verdade, é um tablet feito por mim, usando uma webcam, uma caixa e uma placa de acrílico. Muuuito fácil! Aí vai o vídeo:


Clique aqui para fazer o download do software e maiores informações. Acesse também a página do blog do criador dessa maravilha: http://sethsandler.com/multitouch/mtmini/